A cidade de Londres

A cidade de Londres

Maio 15, 2019 Não Por Anabela Villas

Londres, uma das mais antigas cidades Europeias, é um destino turístico muito especial, que merece ser visitado pelo menos uma vez na vida. Capital de Inglaterra e do Reino Unido, é ainda uma das mais importantes capitais Europeias e de todo o mundo, tanto a nível social, como cultural e económico.

Milhares de turistas passam anualmente por Londres, fazendo desde um destino extremamente popular. Por isso, não é fácil planear um city break sem deixar nada de fora. Assim, procurámos compilar tudo o que necessita saber para uma viagem a Londres antes de partir.

A VIAGEM

Apesar de ser uma ilha, Londres – e todo o Reino Unido, em geral – têm várias ligações diárias disponíveis. Várias operadoras ligam Londres a quase todas as capitais do mundo, seja através de voos directos, seja através de voos com escala. Além disso, existem várias operadoras lowcost que operam no país, como a Easyet ou a Ryanair, o que significa que visitar Londres pode ser bem económico. Quanto mais cedo marcar a sua viagem a Londres, mais barato ficará. Além disso, existe uma grande diferença entre a época baixa e a época alta.

Lembre-se que Londres tem vários aeroportos. Todos eles têm ligações directas e regulares com a cidade, mas há uns que podem ficar a mais de 1 hora de distância, como é o caso de Stansted. No entanto, com os shuttles específicos, a ligação torna-se bastante simples e eficiente com o centro da cidade.

ONDE FICAR

Sendo um dos principais destinos turísticos Europeus, Londres tem uma vasta oferta no que diz respeito a alojamentos. Dependendo do intuito da sua viagem – de lazer ou de negócios – poderá optar por um hotel ou residencial, ou mesmo uma opção mais económica, como um hostel. São várias as ferramentas que pode utilizar na internet para encontrar a melhor opção para a sua estadia, como é o caso do Booking ou o AirBnB, por exemplo.

Existem vários parâmetros que deve ter em conta no momento de escolher o alojamento onde vai ficar. O preço é o primeiro, obviamente, mas lembre-se de que a localização, os serviços incluídos e, sobretudo, a localizaçáo, influenciam de forma determinante a eficiência, o preço e o sucesso da sua viagem.

O QUE COMER

Sendo uma cidade bastante cultural, Londres tem uma oferta gastronómica muito diversificada. Esta é vasta e adapta-se assim ao gosto da maioria. Encontra facilmente restrauntes asiáticos (japoneses e chineses), muitos restaurantes indianos e de outras proveniências, como italianos, por exemplo.

No entanto, não deverá visitar Londres sem provar os famosos fish and chips. Este prato de peixe, acompanhado de batatas fritas, faz quase parte do código genético dos londrinos em particular e dos ingles em geral. Encontra-o em todos os restaurantes, mas também na rua, em stands de street food.

O QUE VISITAR

Para uma visita completa a Londres vai precisar de pelo menos dois ou três dias completos. Isso se quiser visitar o que de melhor a cidade tem para oferecer. Afinal de contas, estamos a falar de uma das mais antigas metrópoles da Europa e um dos principais centros culturais e económicos do mundo.

Na parte cultural, o British Museum, o Museu de História Natural e o Museu da Ciência são obrigatórios. Além disso, a entrada é totalmente gratuita. Além disso, Londres é ainda conhecida pelas suas igrejas imponentes, como a Abadia de Westminster, um dos ex-libris da cidade.

Os parques de Londres dão um encanto particular à cidade, cruzando a paisagem bucólica campestre com o bulício mais moderno da urbe. Um passeio pelos vários Parques Reais é óptimo para relaxar, ler um livro ou, simplesmente, observar os vários esquilos que por ali andam. Caso tenha tempo, pode ainda visitar Stonehenge, esse monumento da Humanidade. Existem várias excursões diárias que pode tomar, para um dos pontos mais iconográficos do mundo ocidental.

O QUE FAZER
Não é que seja propriamente a cidade que nunca dorme, mas nunca faltam actividades para fazer em Londres ou locais para explorar. Camden Town é a parte alternativa da cidade que não pode faltar em nenhuma visita. É aí que se juntam as comunidades punk e góticas londrinas, que têm bastante força na história popular ocidental, e várias lojas de discos, livros ou de artigos em segunda mão.

Se prefere outro tipo de compras, então o mercado de rua de Portbello Road é onde se deve dirigir. Este é um dos mercados de rua mais conhecidos de todo mundo e um destino popular em Londres, para turistas e para locais. É um mercado cheio de vida, colorido e em que pode encontrar roupa, comida ou recordações da sua visita.